Institucional

26/12/2011

Secretário apresenta principais ações da Educação do Paraná

O vice-governador e secretário de Estado da Educação, Flávio Arns, apresentou um balanço dos avanços obtidos na educação paranaense em 2011. O desafio para o ano que vem é dar continuidade ao trabalho de melhoria da qualidade do ensino que vem sendo feito nesta gestão. “Precisamos da união e esforço de toda a sociedade pela transformação do ensino público. Nosso objetivo é que nossos estudantes tenham a melhor educação do Brasil”, ressaltou Arns. No Paraná, a Educação é prioridade absoluta para esta gestão de governo.

A valorização dos profissionais da Educação foi uma das conquistas promovidas pelo Governo do Paraná. O governador Beto Richa, em setembro, a lei nº. 681/11, que concede um reajuste salarial de 5,91% para professores ativos e aposentados da rede estadual de ensino. A medida beneficiou 84.165 professores. O aumento faz parte do processo de equiparação da remuneração dos profissionais do magistério aos vencimentos básicos dos demais servidores do Estado que possuem nível superior. “Não medimos esforços para garantir um ensino de excelência para toda a rede estadual de ensino”, afirmou Arns.

Os professores junto com os demais servidores públicos estaduais receberam reajuste salarial de 6,5%. Com a soma, os professores receberam um aumento total de 12,79% nos vencimentos.

Os investimentos em infraestrutura também foram lembrados pelo vice-governador. Em 2011, os repasses aos municípios para o transporte escolar aumentaram em mais de 100% - de R% 28 milhões, em 2010, para R$ 58 milhões em 2011. Ainda foi criado o Sistema de Gestão do Transporte Escolar (Siget) para aperfeiçoar o atendimento do serviço. Houve a qualificação de gestores municipais dos 399 municípios para utilizar o sistema que prevê o cadastro, organização e sistematização de todas as informações via web. Na rede estadual de ensino do Paraná, mais de 360 mil estudantes são atendidos pelo transporte escolar.

Para a melhoria da rede física das escolas da rede pública foram destinados mais de R$ 130 milhões. A Secretaria de Estado da Educação (SEED) investe na construção de unidades novas, ampliações e reformas para oferecer condições de atendimento adequado à demanda existente, além de recuperar a rede física estadual.

Muitas obras já estão em andamento. Um exemplo é a construção de cinco Centros Estaduais de Educação Profissional (CEEPs) que contam com recursos federais e que estavam parados desde 2008. Este ano, com determinação do governador Beto Richa e do vice-governador e secretário de Estado da Educação, Flávio Arns, as ações necessárias para execução do Programa Brasil Profissionalizado foram agilizadas.

Alunos
Foto: Giuliano Gomes/SEED

A SEED também iniciou a recuperação da rede física. Foram licitados R$ 35 milhões para reparos nas escolas da rede estadual e iniciado novo processo de descentralização de recursos para as escolas. Em 2011, estão sendo concluídas as primeiras obras em 17 colégios do projeto piloto que destinou até R$ 150 mil para cada escola. A própria comunidade escolar ficou responsável pela contratação e fiscalização da obra. “A participação da comunidade escolar e a agilidade do processo resultam em economia, transparência e qualidade”, ressaltou Arns.

Houve ainda parceria entre a Secretaria e Fecomércio, Senai, Sesi, Fetaep e Faep para ampliar a oferta de cursos técnicos para os estudantes da rede pública estadual. A Secretaria aderiu ao Pronatec, oferecendo qualificação para o primeiro emprego.

DESAFIOS – Flávio Arns apontou que a educação ainda possui desafios para ser superados, e que necessitam de um maior envolvimento da sociedade para que os objetivos sejam atingidos. “A participação de professores, funcionários, pedagogos, da família, da comunidade, de parceiros da escola pode contribuir na melhoria do ensino que é ofertado em nossas escolas”, destacou Arns.

Em 2012 esta participação deverá ser ainda maior. “Percebemos o entusiasmo da comunidade escolar durante as reuniões realizadas nos Núcleos Regionais de Educação durante esse ano, que está disposta a trilhar o caminho pela garantia da qualidade do ensino na rede pública estadual”, afirmou.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Últimas Notícias

Leia mais