Institucional

08/03/2013

Educação ajuda diminuir índices de violência contra a mulher

A Secretaria de Estado da Educação trabalha para reduzir a violência contra as mulheres no Paraná. Tanto entre estudantes como docentes, a Secretaria estimula reflexões e debates, prepara material didático sobre o tema. Na formação continuada de profissionais são abordadas as relações de gênero em todo o processo de escolarização.

“A violência contra a mulher é uma prática arcaica que está intimamente ligada à cultura machista do país e ao comportamento sexista. Mudar esse panorama cultural e diminuir as desigualdades de gênero só é possível por meio da educação”, destaca a diretora do Departamento de Diversidade da Secretaria, Marli Perón.

Nos últimos três anos, cerca de 30 mil profissionais da Secretaria de Educação passaram por formação, cerca de 13 mil cadernos temáticos que abordam as questões de gênero e sexualidade foram distribuídos, e enviadas orientações pedagógicas aos Núcleos Regionais de Educação para as escolas trabalharem o assunto.

A Secretaria também disponibiliza webconferência (conferencia em rede pela internet) sobre o fenômeno social da violência contra as mulheres. As reflexões sobre gênero devem estar inseridas no trabalho de todas as disciplinas e refletidas nas relações do espaço escolar.

“A escola, um espaço de formação humana, tem papel fundamental nesses processos e não deve se omitir das discussões e de repensar e transformar suas práticas”, afirma Marli.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.