Profissionais da Educação

01/08/2017

Governador nomeia 287 professores para a rede estadual

O governador Beto Richa nomeou nesta terça-feira (01) 287 professores e pedagogos para atuar na rede estadual de ensino. Os nomeados foram aprovados em concurso público e deverão assumir uma carga horária de 20 horas semanais nas disciplinas de português, matemática, biologia, história, química, geografia, arte e inglês.

“Demonstramos, na prática, a prioridade do nosso governo com a Educação”, afirmou o governador Beto Richa. “Esta nova contratação é mais um exemplo do resultado do ajuste fiscal que fizemos para equilibrar as contas públicas. Isso permite reforçar o quadro do magistério e pagar avanços de carreira aos servidores estaduais”.

Os novos professores vão atuar em colégios estaduais dos Núcleos Regionais de Educação (NRE) da Área Metropolitana Sul e Norte, Curitiba, Campo Mourão, Cianorte, Francisco Beltrão, Guarapuava, Laranjeiras do Sul, Londrina, Maringá, Pato Branco, Ponta Grossa e Toledo. “Além de novos professores, o governo está revitalizando colégios com o programa Escola 1000”, destacou o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni.

A secretária de Estado da Educação, professora Ana Seres, destaca que a decisão de chamar os remanescentes do último concurso público do magistério contribui para valorizar o quadro próprio de professores da rede estadual. “É um ganho para a educação do Paraná”, disse a secretária.

Atualmente, a rede pública estadual tem mais de cem mil profissionais - entre professores e funcionários de escolas concursados e temporários -, 2,1 mil escolas e um milhão de estudantes matriculados.

REMUNERAÇÃO – Hoje, a remuneração do professor que inicia a carreira no Estado é de R$ 3,6 mil (sendo R$ 2,8 mil de salário e R$ 800 de auxílio-transporte), contra R$ 2,1 mil em 2010.

A remuneração média dentro do quadro do magistério é próxima a R$ 5,2 mil. O contracheque varia conforme o tempo de carreira, se o profissional ganha adicional por trabalho noturno e se pós-graduações, por exemplo.

Desde 2011, considerando a remuneração média dos professores da rede estadual, houve aumentos salariais de 146% e foram contratados 23,5 mil servidores da educação (professores e funcionários).

Decreto n.º 7.493/2017

Agência de Notícias do Paraná
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.