Profissionais da Educação

31/08/2017

Livros abordam educação hospitalar e o ensino da Matemática

A avaliação, o ensino da Matemática e a oferta da educação hospitalar na rede estadual de ensino viraram livros. Professores da rede estadual produziram obras que exploram metodologias de ensino, avaliação matemática e o cotidiano da educação hospitalar e as legislações que orientam a oferta da modalidade no Estado do Paraná.

O livro foi organizado pela pedagoga Rozeli de Fátima Pereira, em parceria com as professoras Gislaine Rossato Barutti, Regina Maria Fialkoski Basso, Adriana do Rocio Pissaia Boarão, e Doraci do Rocio Merchiori.

As professoras e a pedagoga que atuam no programa de Serviço de Atendimento à Rede de Escolarização Hospitalar (Sareh) no Hospital Infantil Doutor Waldemar Monastier, em Campo Largo (Região Metropolitana de Curitiba), lançaram nesta quinta-feira (31), em Curitiba, o livro “Educação Hospitalar: um espaço desafiador”.

As duas obras servem como ferramentas para professores que atuam no ensino hospitalar, salas comuns e para a comunidade escolar. As obras estão disponíveis nas principais livrarias de Curitiba e também na versão e-book.

A obra é dividida em 13 capítulos, com um breve histórico do programa no Paraná e no Brasil, parcerias feitas com o sistema de saúde e um estudo sobre as leis que orientam e normatizam o programa no Estado. “A nossa ideia é que o livro chegue aos professores que trabalham com a educação hospitalar. Quando estávamos produzindo pensamos também nos professores das classes comuns, porque são esses alunos que podem precisar de internação em hospitais”, disse a pedagoga Rozeli de Fátima Pereira, organizadora do livro.

O livro explica também o funcionamento do processo de escolarização nos ambientes hospitalares e a preparação do aluno para o retorno à sala de aula. “É importante que professores das salas comuns entendam como é feito o trabalho escolar no hospital para dar continuidade à escolarização desses estudantes no retorno à sala de aula”, explicou Rozeli.

Ela recebeu o convite para escrever o livro após publicar um artigo sobre a atuação do pedagogo no Sareh. “Depois da publicação do artigo surgiu o convite para produzir um material mais aprofundado sobre o tema. Foram dois anos de pesquisas para produção e organização do material”, afirmou.

SAREH - Além do atendimento em unidades hospitalares, a Secretaria de Estado da Educação também oferece o acompanhamento na residência dos alunos até o retorno à sala de aula. Em 10 anos, mais de 42 mil estudantes já foram beneficiados pelo programa.

MATEMÁTICA E SUAS VERTENTES – Explicar e explorar as diferentes metodologias de ensino e avaliação da disciplina foram os objetivos da pesquisa feita pelo professor Ademir Basso, do Colégio Estadual Costa e Silva, de Mariópolis (no Sudoeste do Estado), que resultou no livro “Ensino e Avaliação de Matemática: duas faces da mesma moeda”.

A obra é resultado do projeto de conclusão do Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE), feito por Basso em 2012. “A experiência do PDE com o tema avaliação em Matemática foi muito rica, o que garantiu a compilação de diversos materiais organizados durante as pesquisas individuais que resultaram no livro”, afirmou.

O lançamento da obra foi neste mês de agosto, durante a XX Semana da Matemática e Festival da Matemática, ambos promovidos pelo Departamento de Matemática da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro – Guarapuava).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.