Eventos

29/01/2019

Secretaria inicia terceira etapa do Seminário de Diretores: Aprendizagem em foco 2019

A Secretaria de Estado da Educação iniciou nessa terça-feira (29), em Curitiba, a terceira etapa do Seminário de Diretores: Aprendizagem em Foco 2019. Entre e hoje e amanhã, mais de 1,2 mil servidores participam de oficinas, ouvidorias e palestras com foco na liderança dos diretores e no aprendizado dos alunos.

A abertura do seminário aconteceu no Teatro Guaíra e contou com a presença do governador Carlos Massa Ratinho Junior, que reforçou o objetivo de tornar a educação do Paraná referência nacional.

De acordo com o secretário da Educação, Renato Feder, para alcançar esse objetivo a secretaria vai trabalhar para desburocratizar a atuação de diretores e de Núcleos Regionais de Educação (NREs), para que os profissionais possam se dedicar às ações pedagógicas. Feder ainda destacou a importância do trabalho em rede, de modo que secretaria, núcleos, diretores e professores ofereçam apoio uns aos outros visando o melhorar o aprendizado dos alunos.

Nesse sentido, desenvolver a liderança dos diretores é fundamental para motivar professores e estudantes. “Os diretores são a alma das escolas e precisam ter um olhar pedagógico para ajudar o professor na gestão da aula e no aprendizado. Se conseguirmos, junto com os diretores, ajudar o professor a dar uma aula mais envolvente e produtiva, o aluno vai perceber isso e vai gostar mais da aula naturalmente”, disse Feder.

HOMENAGENS - Durante a cerimônia de abertura, as escolas estaduais das 15 regionais com as melhores notas e maior crescimento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foram homenageadas pela pasta. As homenagens aconteceram em três categorias: melhores notas no Ensino Fundamental e Ensino Médio e maior aumento da nota.

“O Paraná possui bons exemplos que precisam ser valorizados. E as experiências que deram certo devem ser compartilhadas para que outras escolas também consigam alcançar esses índices importantes para a nossa educação”, comentou o superintendente da Educação, Raph Gomes Alves.

BONS EXEMPLOS - A Escola Estadual Ângelo Trevisan, em Curitiba, conseguiu a melhor nota no Ensino Fundamental (6,6). Para a diretora Célia Regina Guernieri, não tem fórmula mágica, mas sim muito trabalho em equipe e comprometimento de toda a comunidade escolar. “Essa dedicação coletiva reflete diretamente no aprendizado dos alunos.”

O Centro Estadual de Educação Profissional Agrícola da Lapa (no município da Lapa, nos Campos Gerais) obteve a melhor nota (5,2) no Ensino Médio. O diretor Eros Berg Ferreira do Amaral atribuí o resultado a proximidade entre professores, funcionários e alunos. “A escola tem muita proximidade com os alunos, já que metade deles estuda em regime de internato e faz o Ensino Médio junto com o Técnico”, explicou.

SUPERAÇÃO - Já o Colégio Estadual Doutor Afonso Alves de Camargo, do município de Rio Azul (no Centro-Sul do Estado), obteve a maior média de crescimento entre 2015 e 2017. O Ideb da escola saltou de 2,9 para 5,5. A diretora Giseli Cristina Machado explicou que, ao assumir a escola em 2015, a primeira iniciativa de sua equipe foi elaborar um diagnóstico do desempenho no Ideb e a partir daí elaborar um plano de ação para mudar a realidade pedagógica do colégio.

“O número não significa muito se não entendemos a realidade por trás dele. Fizemos uma avaliação institucional e ouvimos as demandas dos alunos e pais e a partir disso conseguimos identificar quais os pontos mais urgentes de ação e as ideias foram surgindo”, contou.

LIDERANÇA - A vice-governadora do Ceará, Izolda Cela, que é mestre em Gestão e Avaliação da Educação Pública, falou sobre a importância da liderança dos diretores nas escolas estaduais.

“A atuação do diretor tem impacto direto na qualidade de ensino dos alunos, considerando que o bom profissional fará a gestão de pessoas e de processos na escola com esse foco, que é a missão institucional dos colégios”, disse ela.

PRESENÇAS - Participaram da solenidade o chefe da Casa Civil, Guto Silva; os deputados estaduais Hussein Bakri, Claudio Palozi, Alexandre Amaro e Elcio Jaime; o diretor da Fundepar, José Maria Ferreira; o chefe de gabinete do governador, Daniel Rocha; e a diretora-presidente do Teatro Guaíra, Mônica Rischbieter.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.