Ensino

05/07/2019

Estudantes criam programa de televisão voltado à comunidade escolar

Com o objetivo de mostrar aos demais alunos e à comunidade os principais eventos e ações da instituição de ensino, estudantes do Colégio Estadual Rui Barbosa, em Nova Laranjeiras (Centro-Sul), desenvolvem, desde junho, projeto audiovisual semelhante a um programa televisivo. Batizada de TV CERB, a iniciativa envolve alunos do 9° ano A do colégio no processo de roteirização, gravação e edição de vídeos sobre o ambiente escolar.

A TV CERB é supervisionada por uma das professoras de Ciências da escola, Sandra Baldissera. Num primeiro momento, a ideia envolvia apenas essa disciplina. Segundo a docente, a expectativa era que os alunos utilizassem recursos audiovisuais para realizar um trabalho sobre o corpo humano, a fim de apresentá-lo em um evento da escola voltado à tecnologia e à aprendizagem criativa. A professora percebeu, contudo, que era possível ir além.

“Muitas vezes, a família não fica sabendo de todas as novidades que envolvem a escola. Ter um programa periódico seria uma maneira de a comunidade ver o que está sendo desenvolvido no ambiente escolar”, pontua Sandra, que conta que os dois vídeos produzidos até então foram distribuídos nas redes sociais da escola e em aplicativos de mensagens.


A professora explica que, por enquanto, a única atribuição que cabe a ela é a definição das pautas que serão produzidas. O restante – organização do cenário, roteirização, filmagem, edição e escolha da trilha sonora – fica a cargo dos estudantes. Depois de pronto, o programa é apresentado para a direção e equipe pedagógica do colégio, antes de ser distribuído nas redes sociais.

PROTAGONISMO DOS ESTUDANTES – Por enquanto, são 12 estudantes do Rui Barbosa envolvidos com a TV CERB. A expectativa da professora Sandra, contudo, é trazer cada vez mais alunos para a produção. Se depender dos comentários dos adolescentes que já participam, a tarefa não será difícil.

Uma das responsáveis pela edição dos vídeos, Heloísa Marcela Carra, 14 anos, está muito feliz com a recepção do projeto entre os colegas e a comunidade escolar. Para ela, os principais objetivos da TV CERB seriam “informar, divertir, valorizar e incentivar o protagonismo juvenil no colégio”.

O mesmo sentimento é compartilhado por Thaís Andriola e Nathalia Luiza Ernzen, ambas de 14 anos, que também participam da TV CERB. Para as amigas, o projeto estimula o trabalho em equipe e também a interação com os outros estudantes.

“Com o programa podemos informar os outros alunos sobre os acontecimentos do colégio de uma forma divertida”, diz Thaís. “Esperamos continuar, porque estamos gostando bastante”, complementa Nathalia.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.